deudeus

.

todos os lugares a deus

 

 

a idéia que eu tenho de deus é abstrata

toco no assunto sem saber do que se trata

é difícil ser sem querer o que se quer ser

é besteira ter que querer ser o que se tem que ser

deus me livre e guarde da galhofa terráquea

apela para a ignorância o ser de alma macaca

não ao sim que tem em si o tom do não

sim só ao som com o dom do bem e do bom

 .

 

Antonio Thadeu Wojciechowski e Marcos Prado

.

.

 .

Por Um Deus Ateu

 .

se Deus existe mesmo

eu sou a rainha da Inglaterra

como pode querer ser supremo

um Cara que tanto erra

e parece nem estar aí?

até o céu devia ter um limite

se um Deus tem que existir

então voto em Nietzsche:

que Deus passe a ser pecador

que o malfeitor possa ser justo

o homem Seu redentor

e o juiz seu próprio verdugo.

 .

Sérgio Viralobos

 .

 .

.

Deu Deus

“Deus é uma vitória do Ego sobre a realidade.”

( Sigmund Freud )

 .

Se fôssemos medir o custo-benefício

de ir à igreja num domingo de manhã

não sobrava nem o padre pra Cristo.

Por que todo fiel tem cara de tantã?

Maria engravidou da forma mais difícil,

nem porisso deixei de ser seu fã.

Só um judeu falou-O e disse-O,

Ó Senhor de Maomé, Ogum, Jeová e Tupã,

Teus nomes se espalharam como um vício.

Pessoa que tem juízo não morre pagã ?

 .

Antonio Thadeu Wojciechowski e Sérgio Viralobos

 .

.

.

 

Bilhete azul

 .

Buda nunca deu mole

embora você rebole

que Deus te perdoe

 .

não é questão de vingança

mas entrar na dança

é ser miolo mole

 .

quem não planta não colhe

quem não ama não olhe

a felicidade dos outros faz mal

 .

antonio thadeu wojciechowski e walmor goes

.

.

.

.

 

 

Soneto

 

1

 

A meu pai doente

 

 

Para onde fores, pai, para onde fores,

Irei também, trilhando as mesmas ruas…

Tu, para amenizar as dores tuas,

Eu, para amenizar as minhas dores!

 

Que coisa triste! O campo tão sem flores,

E eu tão sem crença e as árvores tão nuas

E tu, gemendo, e o horror de nossas duas

Mágoas crescendo e se fazendo horrores!

 

Magoaram-te, mais Pai?! Que mão sombria,

Indiferente aos mil tormentos teus

De assim magoar-te sem pesar havia?!

 

– Seria a mão de Deus?! Mas Deus enfim

É bom, é justo, e sendo justo, Deus,

Deus não havia de magoar-te assim!

 

Augusto dos Anjos

 

 

 

Na oração que desaterra… aterra

Quer Deus que a quem está o cuidado…dado

Pregue que a vida é emprestado…estado

Mistérios mil que desenterra…enterra

 

Quem não cuida de si, que é terra….erra

Que o Alto Rei, por afamado…amado

E quem lhe assiste o desvelado…lado

Da morte ao ar não desaferra…aferra

 

Quem do mundo a mortal loucura…cura

A vontade de Deus sagrada…agrada

Firmar-lhe a vida em atadura…dura

 

Ó, voz zelosa, que dobrada…brada

Já sei que da formosura…usura

Será no fim dessa jornada…nada

 

 

Gregório de Matos

Anúncios

~ por polacodabarreirinha em 03/08/2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: